Eu particularmente sou fascinado pelo estúdio. Pelo backstage. Por saber como as gravações foram feitas, ficar por dentro das histórias dentro do estúdio e de como os álbuns que eu mais gosto foram gravados. Existe sempre essa mística por trás do estúdio, a magia de tudo o que a gente não sabe, ou tudo o que não é mostrado. Um forma de sentirmos um pouco o gostinho disso, é ouvir as faixas dos instrumentos isolados reparando em cada detalhe e em cada nuance que no meio do bolo todo, não conseguimos pegar.

Ouça abaixo alguns exemplos de faixas de voz isoladas do resto da banda.


-via

Newsletter Troca o Disco
Receba novidades com antecedência em seu e-mail
Seu e-mail não será compartilhado.